terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Henê e a queda de cabelo

Queda por falta de henê: Pode ocorrer, não é obrigatório que isso aconteça, e muito menos confirmado, vaia de pessoa pra pessoa.
O que acontece é que a raíz enfraque com excesso de peso do fio. Já que agora nasceu uma raíz crespa, ou ondulada que cai bem mais antes,e não tem hidratação como o resto do cabelo Você pode resolver isso aplicando henê 1 ou 2 vezes na semana na raíz.
Isso pode parar de uma hora pra outra.
Queda por oleosidade excessiva: Bom, isso é comum, cabelos mais oleosos caem bem mais. A explicação mais possível é que seu genótipo ainda é o que sempre foi (cacheado, crespo, ondulado) e o cabelo continua produzindo óleo para seu cabelo. Assim, a raiz solta o fio, por ser mais oleosa. Você pode resolver isso com xampu para cabelos oleosos, evitar o condicionador no couro cabeludo, incluindo o creme de hidratação, evitar o reparador de pontas no couro…
Seborréia: Por causa da oleosidade, procure um dermatologista.
Sensibilidade a formula: Normalmente é pra isso que serve o teste da mecha. Mas pode não dar em nada, e você usa, por anos, aí chega uma hora que você o organismo reagirá contra a fórmula do henê. Isso pode causar irritação. É necessário parar de usar o henê e consulta um médico dermatologista.
Bulhufas……… henê em si não causa queda, mas não podemos esquecer que ele é um alisante, e isso quer dizer que ele não é uma cola que vai grudar seus fios na cabeça, né?
Porém o henê pode causar QUEBRA, o que é diferente da queda, a queda é algo interno, o henê pode quebrar seu cabelo se for mal utilizado, não seguir as orientações corretas, como hidratar, passar henê demais pode causar quebra.
Na queda o cabelo cai pela raíz, na quebra o cabelo se parte no meio…

Nenhum comentário:

Postar um comentário